O MARAVILHOSO MUNDO DOS ANJOS

O MARAVILHOSO MUNDO DOS ANJOS

O Maravilhoso mundo dos Anjos

 

São dez horas da noite. Na silenciosa Roma – estamos no século XIV -. uma distinta dama reza na capela de seu palácio. Algumas poucas velas iluminam o recinto sagrado. De repente, uma forte luz toma conta do ambiente como se fosse meio-dia. A nobre senhora eleva seus olhos e contempla a face resplandecente de seu filho João Batista, falecido há alguns meses.

- Meu filho, de onde vens? . Venho da Corte Celeste, onde tenho a ventura de sempre contemplar a face indizivelmente bela de nosso Criador. Esta é a maior felicidade dos bem-aventurados, meus companheiros eternos de glória! . E quem é esse varão que te acompanha? . Minha mãe, este é um anjo que pertence ao oitavo coro angélico, o coro dos Arcanjos, acima dos Anjos da Guarda que formam o nono coro angélico. Como vês, é muito mais belo do que eu, pois está mais próximo de Deus. O Divino Redentor envia este celeste protetor para que, a partir de hoje, te acompanhe e proteja dia e noite.

Santa Francisca Romana . pois é dela que se trata . estava inundada de indizível felicidade. A partir dessa memorável noite, gozou da visão ininterrupta de seu Arcanjo protetor. Mas era tão resplandecente a beleza do celeste mensageiro, que ele tinha de graduar sua luz para que a santa pudesse fitar sua face. Com efeito, conforme afirmam os inúmeros santos que receberam a graça de ver algum anjo, o brilho deles é superior ao do sol.