6 maneiras como Santa Clara fez brilhar sua luz

 

 

Baixe este livro de combate Espiritual gratuitamente


Em 1936 Nossa Senhora apareceu no Norte do Brasil para avisar que três grandes castigos cairão sobre o Brasil. Ela disse: O sangue inundará o Brasil por causa do comunismo, e haverá uma guerra civil caso não haja conversão, jejum, penitência e oração. DIGA NÃO AO PT - DIGA NÃO AO PT, e vamos pedir para nossa Mãe Celestial que afaste de nós os castigos. Leia a matéria completa aqui - CLIQUE AQUI!!! DIGA NÃO AO PT - DIGA NÃO AO PT - Faça como o Padre José Augusto da Canção Nova que denunciou o PT e não se acovardou - assista aqui o que ele disse - CLIQUE AQUI!!! - DIGA NÃO AO PT - DIGA NÃO AO PT

6 maneiras como Santa Clara fez brilhar sua luz

6 maneiras como Santa Clara fez brilhar sua luz

SAINT CLARE

la foi a primeira e única mulher a escrever uma regra de vida religiosa exclusivamente para mulheres

“Clara (‘brilhante’) pelo nome, brilhante luz na vida e ainda mais na morte”. Esta frase resume o legado de Santa Clara de Assis. Nascida na Itália no ano de 1193, a santa veio de uma família italiana nobre e rica.

Em 11 de agosto é comemorado seu dia de festa litúrgica. Por sua juventude, suas decisões eram claras e contundentes; hoje, ela brilha como um exemplo de uma mulher que foi líder e pioneira de várias maneiras:

  1. Ela se rebelou para se juntar aos franciscanos. Seus pais a prometeram em casamento quando ela tinha 15 anos, mas ela resistiu, querendo se consagrar a Deus. Aos 18 anos, fugiu para se juntar aos franciscanos. Suas irmãs Agnes e Beatrice a seguiram para a vida religiosa; mais tarde, sua mãe também escolheu o mesmo caminho. Inicialmente, como a primeira mulher a seguir São Francisco, morava com os beneditinos de São Paulo; então, ela se mudou para o convento de Sant’Angelo di Panzo, onde morou até residir definitivamente em uma casa próxima à Igreja de São Damião, que seria sua casa por 41 anos.
  2. Ela foi a primeira e única mulher a escrever uma regra de vida religiosa exclusivamente para mulheres. É diferente da tradição monástica em sua estrutura e conteúdo, e o estilo de vida das freiras chamou a atenção das pessoas. A condição para viver de acordo com a regra era distribuir os bens para os pobres.
  3. Ela fundou a ordem das Clarissas (ou “Damas Pobres”), também chamado de Segunda Ordem de São Francisco, lado a lado com os franciscanos de São Francisco de Assis. Ela foi oficialmente nomeada Abadessa de São Damião, o superior que governou a ordem das mulheres depois de São Francisco, originalmente o diretor de ambas as ordens, deu-lhe essa responsabilidade.
  4. Ela foi a primeira mulher a ter uma missão na Califórnia com o seu nomeA Missão Santa Clara de Assis foi fundada no ano de 1777, em uma área densamente povoada perto do rio Guadalupe. Após vários terremotos e inundações, a missão se mudou em 1825 para sua localização atual. Mais tarde, no ano de 1851, a Universidade de Santa Clara foi fundada, ocupando as instalações da missão, onde a escola permanece até hoje. Foi assumida pelos jesuítas, inspirados pela liderança e valores de São Inácio de Loyola. No entanto, de acordo com o padre Paul Soukup, SJ, diretor do Departamento de Comunicação da universidade, “Admiramos o carisma e o coração de Santa Clara, e celebramos uma Missa solene todos os anos no dia 11 de agosto”.
  5. Corajosa e forte: no ano de 1230, o imperador Frederick II estava em guerra com o papa e enviou guerreiros muçulmanos para atacar o vale na Itália, onde o convento de Santa Clara estava localizado. As freiras assustadas se reuniram em torno de Clara, que, apesar de fraca e doente, foi para a entrada do convento, onde ela se ajoelhou segurando o Santíssimo Sacramento. Lá, ela rezou por proteção. Elas não foram atacadas.
  6. Padroeira da televisão: Santa Clara tem sido a padroeira da televisão há 50 anos. Como conta a história, um dia ela estava doente e não podia ir à igreja para a missa na véspera de Natal. Todas as outras freiras foram, mas ela teve que ficar na cama, triste, porque não podia participar da Missa. Dizem que Jesus a transportou milagrosamente para a igreja para que ela pudesse participar da Liturgia das Horas e da Missa da meia-noite. Além da televisão, Santa Clara é a padroeira do telefone, das costureiras, dos problemas de visão e do bom tempo.